Vem que…

image

Hoje eu vou deixar o cadeado aberto.
A luz da varanda acesa.
A porta destrancada.
Porque hoje eu preciso sentir os seus braços suavemente me envolverem.
Seus lábios encostarem no meu ouvido ao sussurrarem que você está aqui.
Hoje preciso da sua conversa, do seu cheiro, do seu carinho, da sua atenção, para saber que tudo vai bem.
Que tudo ficará bem.
Que eu não preciso ter medo do amanhã.
Hoje só a sensação da sua presença, só o brilho do seu sorriso, a firmeza das suas mãos ao me tocarem, me fará relaxar.
Hoje eu preciso dormir com a segurança do seu abraço.
Com o som da sua respiração.
Com os meus pés enroscados nos seus, disputando um pedaço do cobertor.
Então vem.
Vem porque o seu chocolate já está na mesa de cabeceira, a sua toalha pendurada no banheiro e o seu lado da cama vazio, a esperar.
Assim como eu.
Pelo calor do seu corpo.
Pelo calor da sua companhia.
Pela certeza de me sentir amada só com o seu olhar!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Vem que…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s