Cuidado, parece, mas não é.

coração rasgado

Você me destruiu.

Destruiu a minha capacidade de confiar.

A minha capacidade de acreditar.

A minha capacidade de amar.

Você, sem dó, nem piedade, destruiu todas as chances que eu tinha de um dia ser feliz de verdade.

Você e o seu egoísmo.

Você e o seu egocentrismo.

Você e os seus sonhos bobos, infantis.

Você destruiu a minha autoestima.

E você me fez apelar, me humilhar.

Você destruiu a alegria de um dia quente de sol, durante um rigoroso inverno.

E lavou meu rosto de lágrimas, como a tempestade lava as ruas do bairro numa tarde de verão.

Você tão quieto e tão manso.

Tão sutil tão inocente e aventureiro.

Você destruiu a nossa relação.

Jamais vou ter perdoar por isso.

Jamais vou deixar a sua opinião, de novo, sobrepor a razão.

Para mim chega.

Se limite a bombear sangue por todo o meu corpo.

De você só quero isso, e mais nada, hoje e para sempre, Prezado Coração.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s